Blog

Não entreguei minha declaração de Imposto de Renda, e agora?


por Líder Serviços Contábeis em 28/05/2019

Não entreguei minha declaração de Imposto de Renda, e agora?

Para aqueles que não conseguiram enviar a tempo sua declaração de imposto de renda, ainda há a oportunidade de realizar o envio após o prazo oficial expirado. A receita federal reabre o sistema, mas os contribuintes atrasados estarão sujeitos ao pagamento de multa. O valor é mínimo de R$165,74, podendo chegar até 20% do imposto devido. Automaticamente, logo após o envio da declaração o contribuinte recebe uma notificação de lançamento de multa, com prazo de 30 dias para efetivar o pagamento. Ao término desse período passa a incidir juros, com base na taxa Selic. A multa é aplicável aos que tem imposto a pagar quanto aos que possuem valores a restituir. 

Quem for obrigado e não entregar pode ter seu CPF suspenso e contas bancárias bloqueadas, impedido inclusive de realizar a compra ou venda de veículos e imóveis. 

Fique atento e entregue sua declaração!

Leia mais...

Caí na malha fina e agora?


por Líder Serviços Contábeis em 21/05/2019

Caí na malha fina e agora?

Malha fina é o mecanismo eletrônico de inspeção e cruzamento dos dados de todas as declarações apresentadas com as informações disponíveis no sistema da Receita Federal, buscando encontrar possíveis erros ou inconsistências a serem corrigidos ou auditados. 

É muito comum falhas de preenchimentos dos informes, discrepância de valores informados pelas fontes pagadoras, débitos na receita federal, entre outros motivos que podem levar o contribuinte cair em malha fina. 

Algumas vezes, mesmo com regularidade no preenchimento da declaração, a Receita também coloca a declaração retida em malha para comprovação de despesas médicas e odontológicas, assim como outras deduções, com a de instrução por exemplo. 

As informações inconsistentes podem gerar auto de infração ao contribuinte, por isso é importante corrigir todas as divergências antes de apresentar a documentação. 


Para saber se sua declaração foi retida em malha fina, você precisa acessar o extrato de processamento do IRPF, por meio de código de acesso ou certificado digital. 

Caso o contribuinte não corrija a informação, a receita enviará uma notificação por carta, informando sobre a irregularidade identificada e solicitando o agendamento de horário para apresentação da documentação. 

Para entender mais a respeito do assunto e revisar o processamento da sua declaração, conte com a equipe da LíderSC.

Leia mais...

Dicas IR2019 #18- Cuidado! Omissão de ganhos com aluguel.


por Líder Serviços Contábeis em 30/04/2019

Dicas IR2019 #18- Cuidado! Omissão de ganhos com aluguel.
Os casos de omissão de rendimentos de aluguel são bastante frequentes. É habitual ocorrerem casos de omissão de ganhos com aluguel na hora do processamento da declaração, uma vez que os aluguéis são informados pelas imobiliárias e também pelos locadores. A falta de rendimento geralmente já é objeto de malha fina no processamento. Mas em alguns casos pode vir a divergência só meses após a entrega, em outros lotes de processamento feitos pela receita federal. Não deixe de declarar os rendimentos de aluguéis!

Leia mais...